Obras são ambientes caóticos, os riscos estão por todos os lados e há sérios problemas quanto à segurança. O setor da construção sofre de uma ineficiência produtiva crônica, como a falta de operários, não cumprimento de horas e desbalanço de horas entre e intra equipes. Resultando em dois grandes problemas para esse setor. A fim de contornar isso, utilizamos câmeras inteligentes instaladas nas entradas dos canteiros, realizando o controle da entrada e saída de operários e atribuindo o homem-hora de cada trabalhador e equipe. Além disso, identificamos se esses profissionais adentram o canteiro com os devidos equipamentos de segurança. Com isso, geramos relatórios compilados semanais, com estatísticas e sugestões de melhoria além de cards diários no Whatsapp do gerente de obras e técnico de segurança, que permite um acompanhamento direto do recurso humano, bem como do risco estimado do canteiro. Nosso modelo se baseia num custo de instalação e um recorrente mensal por instalação. Os indicadores permitem mediar a capacidade de atuação de decisões, demonstrando quais soluções são mais efetivas e permitindo que sejam tomadas antes do atraso ou do acidente. Demonstrando quais equipes necessitam de mais atenção e quais treinamentos possuem maior importância com relação ao uso de EPIs. A equipe participou do TIM AWC de 2018, tendo como coachs Rodrigo Franco e Artur Vilas Boas, foi também aceita no HackBrazil via passe hacker e foi finalista do Desafio Paraná de Empreendedorismo. Nesta jornada, foram mais de 100 entrevistas e mais de 30 experimentos realizados para encontrar o melhor modelo de MVP.

Rock and Roll

Nós somos a NextCam e nossa solução propõe um aumento da produtividade e redução do risco de acidentes na construção civil através da visão computacional e inteligência artificial.

Sobre o Problema

O Brasil gasta R$300 milhões em passivos trabalhistas e contas médicas.A chance de um trabalhador overworked desse meio sofrer acidente é 12% maior e a segurança neste meio é periódica,não contínua.A maioria dos atrasos são provenientes de pessoas+acidentes, chegando R$10 bilhões em desperdício

Sobre o Produto ou Solução

Controlamos a entrada/saída de operários,atribuindo o HH de cada um/equipe.Identificamos se estão devidamente equipados.Geramos relatórios,com estatísticas/sugestões de melhoria e cards diários no Whats do gerente/técnico.Permitindo um acompanhamento direto do recurso humano,bem como do risco

Sobre o Mercado

Construção civil está em crescimento e buscando inovação[1]Apresentará evolução(Sebrae)[2]Investimentos em construtechs[3]Revolução da produtividade nesse setor[4]Gasto em passivos trabalhistas[5] 1-bit.ly/2FNjlBel 2-bit.ly/2Ml20kf 3-bit.ly/2CBMifV 4-mck.co/2yLeTjc 5-bit.ly/2Ldnk9V

Sobre o Modelo de Negócios

Modelo baseado em um custo de instalação, mais um valor recorrente mensal. Nosso valor pode sofrer alterações de acordo com o tamanho da obra, por conta da demanda de relatórios necessários, bem como por conta da demanda do software para processar os dados.

Sobre o Tempero Secreto

Câmeras inteligentes.Os indicadores permitem medir a capacidade de atuação de decisões,indicando quais soluções são mais efetivas.Permitindo que sejam tomadas antes do atraso/acidente.Indicando quais equipes necessitam de mais atenção e quais treinamentos possuem maior relevância quanto aos EPIs

Sobre o Estágio e Realizações

Estamos na fase de testes em campo com o protótipo.A Método Engenharia é nosso early adopter.Estamos em contato com a Andrade Gutierrez,onde tivemos uma reunião com o Diretor de Compliance Eduardo Staino e com o setor da Vetor AG.Foram + de 90 entrevistas e + de 30 experimentos para chegar no MVP

Sobre a Equipe

Adriano - Experiência em hardware e gerência de projetos. Arculus (Audi Alemanha) e Volkswagen Brasil Guilherme - Experiência em IA e visão computacional aplicada. Arculus (Audi Alemanha) e Pumatronix Luis - Experiência em revisão de projetos e acompanhamento de obras. Ministério Público do Paraná

Você é Original?

Participamos da feira da TIM,sendo uma das 5 melhores equipes.Realizamos um pitch para a banca composta por: Caio Bolognesi,Ricardo Kahn e Paula Salomão.Links: bit.ly/2Ms6yWd e bit.ly/2T0aD6h Possuímos parceiro de hardware, a empresa Mvisia.Buscando escalar rapidamente nossa solução

Estágio de desenvolvimento:

Validação (estou desenvolvendo o produto)

Mercados de atuação da startup:

Arquitetura e Construção, Segurança

Tipos de negócio em que a startup se encaixa:

B2B (Business to Business)

Modelos de negócio da startup:

Serviços / Consultoria